fbpx

Diferença entre medo e fobia

Por Equipe HPVB em

Diferença entre medo e fobia

A diferença entre medos e fobias é muito importante para determinar se o que você tem apenas uma emoção ou um quadro clínico com necessidade de tratamento.

Veja em seguida a diferença de medos e fobias.

Diferença entre medo e fobia

Como já abordamos em nossa matéria: o que são medos, o medo é uma emoção natural, não necessariamente um problema, isso vai depender se o medo é ou não racional.

Se você sente medo de praticar um esporte radical, isso não significa que você tenha uma fobia, afinal, é um medo racional, que inclusive pode ser um medo apreciado pelos praticantes do esporte.

Sendo assim, qual a diferença entre medo e fobia?


Diferença entre medo e fobia

A fobia é um medo contínuo e irracional.

Ela é considerada um tipo de perturbação da ansiedade, caracterizada pelo medo ou repulsa persistente de um objeto, ou de uma situação.

Veja em seguida algumas fobias e seus respectivos nomes:

  • Agorafobia: medo de espaços abertos ou com multidões;
  • Hematofobia: medo de sangue, injeções e feridas;
  • Fobia Social: medo de pessoas e da exposição;
  • Claustrofobia: medo de lugares fechados;
  • Nictofobia: medo da noite ou do escuro;
  • Glossofobia: medo de falar em público;
  • Monofobia: medo de ficar sozinho;
  • Aracnofobia: medo de aranhas;
  • Amaxofobia: medo de dirigir;
  • Tanatofobia: medo da morte;
  • Zoofobia: medo de animais.
  • Acrofobia: medo de altura;

Pesquisas estimam que ao menos 10% da população mundial apresenta alguma fobia.

É muito importante realizar um tratamento para superar sua fobia, afinal, grande parte das vezes ela além de trazer sofrimento também impede um desenvolvimento pleno de quem a possui.

Ao se expor a uma situação fóbica é comum experienciar uma série de sintomas físicos como: falta de ar, taquicardia, nervosismo e ataques de pânico.

Imagine alguém com medo de falar em público quantas oportunidades ela pode perder por conta desta fobia, o mesmo vale para alguém com fobia de dirigir, por exemplo.

Com tudo que você leu até aqui, já vai conseguir saber a diferença entre medo e fobia.

Sendo assim, se você acredita que tem uma fobia, é muito importante superá-la.


Como superar uma fobia

Felizmente é possível tratar e vencer a sua fobia.

Independente de quanto tempo você sofre com ela, você pode se libertar dessa condição negativa.

Uma das formas de fazer isso é desenvolver suas habilidades emocionais conquistando a liberdade emocional.

Neste caso a Auto-Hipnose é o principal que você precisa aprender se quiser ter controle sob suas emoções, para isso recomendamos o nosso Manual de Auto-Hipnose para Viver Bem.

Agora, se você prefere ser acompanhado por um profissional experiente ao invés de optar pelo autodidatismo, recomendamos que faça uma terapia com um especialista em Hipnose.

A Hipnose aplicada na terapia vai te ajudar a superar sua fobia muito mais rapidamente.

Dizemos isso porque atendemos pessoas de todo Brasil com nossa metodologia única de terapia e nossos depoimentos confirmam nossos resultados.

Sim, fazemos terapia com Hipnose online e com resultados excelentes!

Sendo assim, se você busca um tratamento especializado, confira todos os detalhes da Terapia com Hipnose Online.


Diferença entre medo e fobia – Conclusão

Como você pode ver nessa matéria, diferente dos medos, as fobias são irracionais e contínuas.

Além disso, trazem com elas diversos sintomas negativos sendo capazes de impedir que você realize coisas importantes na sua vida, naturalmente te impedindo de viver bem.

Entretanto, você já sabe que pode superá-la, seja desenvolvendo suas habilidades emocionais ou mesmo realizando consultas com um especialista na área.

Caso tenha alguma dúvida ou quer que abordemos algum assunto, deixe o seu comentário no fim desta matéria.

Fique a vontade para seguir nosso canal do YouTube onde disponibilizamos gratuitamente áudios de Hipnose Guiada para contribuir em sua vida.

Um grande abraço e até logo!


0 comentários

Deixe seu comentário